domingo, 5 de abril de 2009

"NÃO É LUPUS" ou PARA QUE SERVE O EXAME FAN





Navegadores antigos tinham uma frase gloriosa:
"Navegar é preciso; viver não é preciso".
(do poema "Navegar é preciso", de Fernando Pessoa)


Prezado navegante:

Se você é dos leitores vorazes, acostumados a passar os olhos rapidamente sobre as palavras para apreender num relance o significado das sentenças, advirto-o de que o texto a seguir requer reflexão durante a leitura, ou não será compreendido.

Os leitores do blog já acostumados com as confusões envolvendo palavras parecidas, como reumatismo, reumático, reumática, reumatologia e reumatologista, talvez imaginassem que não seria possível uma confusão maior a respeito de nomes de doenças, mas ficarão surpresos ao conhecer os problemas de significado envolvidos na nomenclatura do lupus eritematoso sistêmico, ou LES, ou ainda "lupus" apenas.

Lupus eritematoso sistêmico é o nome de uma doença autoimune. Veja bem: O nome da doença é LUPUS, é ERITEMATOSO, e também é SISTÊMICO, ou seja, LUPUS ERITEMATOSO SISTÊMICO. Acontece que a mente humana geralmente é preguiçosa, por isso alguns preferem dizer simplesmente LUPUS para se referir à mesma doença. Nos Estados Unidos, além disso, há uma paixão pelo uso de siglas na literatura médica, talvez apenas por questão de economia de espaço gráfico. Para não ficar repetindo a expressão "lupus eritematoso sistêmico" nas publicações médicas, usam a sigla LES para substituir o nome da doença. Assim, essas três expressões, quando se referem à mesma doença, podem ser usadas como sinônimos. Entretanto, na linguagem popular, que também é usada por médicos, muitas vezes a expressão "lupus" não significa "lupus eritematoso sistêmico", como veremos adiante.

Já sabemos que lupus eritematoso sistêmico é uma doença autoimune. Uma doença autoimune acontece quando o sistema imunológico produz anticorpos contra as próprias células do corpo e esses autoanticorpos produzem alguma lesão no seu respectivo alvo. Entretanto, muitas pessoas normais produzem anticorpos contra suas próprias células mas, nas pessoas normais, a presença desses anticorpos não causa lesão nos alvos aos quais estão dirigidos. A doença só aparece quando a reação dos autoanticorpos contra os respectivos alvos causa alguma lesão.
Por que isso é assim? Ainda não se sabe.

O exame laboratorial mais usado para revelar a presença de autoanticorpos em pessoas com lupus eritematoso sistêmico é o FAN.
FAN é a sigla para fator antinuclear e significa a mesma coisa que anticorpos antinucleares (leia também Para que serve o exame fator reumatóide, para mais detalhes sobre autoanticorpos, doenças autoimunes e o significado da palavra fator).
Quando o resultado do FAN é positivo, a única certeza que se pode ter é de que a pessoa examinada apresenta autoanticorpos.

FAN positivo não significa "reumatismo".
FAN positivo não significa "reumatismo no sangue".
FAN positivo não significa lupus.
Mas FAN NEGATIVO significa que NÃO É LUPUS. E esse é o único significado clínico que se pode tirar do resultado do exame FAN.

O lupus eritematoso sistêmico é a doença autoimune mais variada que existe. A palavra "sistêmico" significa que a doença afeta o corpo todo e pode produzir manifestações clínicas em qualquer órgão, causando sintomas tão variados que é costume dizer que o lupus eritematoso sistêmico pode simular, pode imitar, pode produzir os sintomas de qualquer doença conhecida.
Não bastasse isso, há formas limitadas de doença que também receberam o nome de lupus, nesses casos acrescido de alguma palavra diferencial.
Há, por exemplo, o lupus discóide, uma forma de doença de pele que pode existir isoladamente na pele, mas que também pode ser parte das manifestações do lupus eritematoso sistêmico. Entretanto, lupus discóide não é a mesma coisa que lupus eritematoso sistêmico.

Quando uma pessoa apresenta uma lesão de pele, provavelmente ela irá consultar um dermatologista sobre isso. Muitos dermatologistas fazem biópsias dessas lesões e o resultado dessas biópsias pode ser descrito como LUPUS DISCÓIDE, ou como LUPUS CUTÂNEO CRÔNICO (o que significa a mesma coisa que lupus discóide), ou algumas vezes como LUPUS ERITEMATOSO.
Nesse caso, "lupus eritematoso" é o nome que está sendo dado ao que foi visto na lesão de pele biopsiada e não significa que a pessoa tenha a doença "lupus eritematoso sistêmico". Mas a maioria das pessoas que se depara com esse tipo de resultado fica apavorada pensando que, por causa do resultado da biópsia mostrando "lupus eritematoso", tem a doença sistêmica chamada "lupus eritematoso sistêmico". Isso é perfeitamente compreensível, pois é um tipo de raciocínio lógico que todos fazemos quando nos deparamos com nomes parecidos. Mas é apenas um raciocínio linguístico, não é um raciocínio científico. De fato, cientificamente, "lupus eritematoso" não é a mesma coisa que "lupus eritematoso sistêmico".
Por favor, não fui eu quem inventou a nomenclatura, por isso não me culpe pelas confusões com os nomes parecidos, mas para explicar porque uma pessoa que tem uma lesão de pele não precisa ter também uma doença que afeta o corpo todo é preciso esclarecer essa questão.
Quando se deparam com um resultado de biópsia dizendo "lupus eritematoso", muitos médicos pedem o exame FAN e, quando o resultado vem positivo, dizem que a pessoa tem "lupus", baseando-se no FAN positivo para afirmar isso. Mas "lupus eritematoso" em um resultado de biópsia com FAN positivo, embora signifique que a pessoa tem "lupus" de pele, não significa que a pessoa tenha lupus eritematoso sistêmico.
Nessa situação não se pode dizer que a pessoa não tenha "lupus" - o resultado da biópsia já está dizendo "lupus" - mas para dizer que é "lupus eritematoso sistêmico" é preciso que a pessoa apresente as manifestações variadas que definem a doença sistêmica.
Confuso não é? Bem, por essas e por outras, penso que a reumatologia deveria fazer urgentemente uma revisão de nomenclatura e aproveitar a oportunidade para banir do meio científico qualquer referência ao mito "reumatismo".

Muitos profissionais parecem gostar de diagnosticar "lupus":
Quando se deparam com FAN positivo, afirmam É LUPUS.
Quando encontram alguém com dor musculo-esquelética que apresenta FAN positivo, afirmam É LUPUS.
Quando encontram alguém com leucócitos diminuídos no sangue que tem FAN positivo, afirmam é LUPUS.
Quando encontram alguém com artrite que tem FAN positivo, afirmam É LUPUS.
Quando encontram alguém cansado que tem FAN positivo, afirmam É LUPUS.
Quando encontram alguém careca que tem FAN positivo, afirmam É LUPUS.
Essa sequência provavelmente poderia ser continuada até mostrar milhares de situações em que a presença de FAN positivo poderia levar algum profissional que goste disso a querer diagnosticar "lupus".
Mas a verdade é que nenhuma dessas situações é diagnóstico de "lupus", simplesmente porque FAN positivo não significa "lupus". E cada uma dessas situações confusas geralmente acontece porque o médico que está fazendo o diagnóstico não é um reumatologista. Se "lupus" é para significar "lupus eritematoso sistêmico", o reumatologista é o especialista que deve fazer esse diagnóstico.

99% das pessoas que têm lupus eritematoso sistêmico, têm FAN positivo e isso é um exemplo de exame útil para a triagem de uma doença.
Quando queremos saber se alguém tem alguma doença, usamos um exame de triagem. O exame de triagem ideal deve ser positivo em todas as pessoas que têm a doença. Esse exame ideal talvez não exista, mas o FAN positivo em 99% dos casos de lupus eritematoso sistêmico é um exemplo bem próximo do ideal, portanto serve para a triagem dessa doença.
O exame de triagem também pode ser positivo em pessoas sem a doença, mas isso não importa para a triagem. Para a triagem o que importa é que o exame seja positivo em todas (ou quase todas) as pessoas com a doença e que a pessoa que está sendo triada tenha os sintomas da doença em questão.
Portanto, se o exame de triagem for negativo, significa que a pessoa não tem a doença. E esse é o significado clínico útil do exame FAN: FAN negativo significa que NÃO É LUPUS.
O exame de triagem positivo significa apenas que a pessoa PODE ter a doença, mas também significa que pode não ter. É preciso exames adicionais para fazer o diagnóstico. Por isso FAN positivo não significa lupus, LES, ou lupus eritematoso sistêmico.

Para o diagnóstico de lupus eritematoso sistêmico, o exame mais importante não é o FAN, é o exame físico. São as alterações presentes ao exame físico que dirão se a pessoa com FAN positivo tem ou não tem lupus eritematoso sistêmico.

FAN pode ser positivo em praticamente todas as doenças autoimunes.
FAN pode ser positivo em praticamente todas as doenças inflamatórias crônicas.
FAN pode ser positivo em praticamente todas as doenças infecciosas.
FAN pode ser positivo em pessoas normais.

Portanto, FAN positivo não é doença e não significa que alguma doença esteja presente. De fato, a maioria das pessoas que tem FAN positivo não tem doença nenhuma.



92 comentários:

Anônimo disse...

BOm, esse texto me ajudou muito, já que ontem fui no meu médico levar os meus exames, inclusive o FAN, que deu reagente no nucleo.
Estou muito preocupada, mais ele ja me passou outros 9 exames pra poder analisar e ver o que pode ser, basta esperar ate semana que vem pra descobrir.

Att
Jéssica

Preta disse...

Gostei muito desse artigo!Estou tentando engravidar e minha GO me pediu vários exames.Um deles era o FAN,que o resultados deu positivo.Logo ela me diagnosticou que tenho lúpus.Meu dia acabou!Fiquei apavorada,até ir ao reumatologista e ele me pedir outros exames e me explicar que é remota a minha chance de ter lúpus por eu não ter nenhum sinal clínico.Agora aguardo resultado de outros exames.

Dr. Luiz Claudio da Silva disse...

É isso mesmo, Preta. Sem sintomas, não é lupus.

Jacqueline disse...

Realmente alguns termos na área médica confundem muito a vida daqueles que não conhecem de fato o seu significado. Por vezes, os próprios médicos utilizam erroneamente alguns termos, seja para tentar explicar algo de uma maneira mais fácil ao paciente, seja por vício....
Gostei muito do texto,nada melhor que um especialista falando...ATT Jacqueline!

VyvyTex disse...

Muito, muito obrigada. Ler este artigo me deixou mais tranquila. Há uns 2 meses tive uma crise alérgica fortíssima. O médico pediu vários exames, e entre eles, o FAN e o fator reumatóide, pois ele disse que o tipo de edema que tive poderia ser em decorrência de algum problema reumatológico também. E ao pegar meus resultados, fiquei bastante preocupada: FAN 1/1280 (quando deveria ser não reagente) e fator reumatóde 91 (quando deveria ser inferior a 19). Comecei a pesquisar na internet e logo me veio o medo da artrite reumatóide, ou pior, do lúpus eritematoso sistêmico. Mas ler seu artigo foi muito bom, pelo menos até quando o dia da consulta com o reumatologista não chega. Pelo menos sei que há uma chance de não ser nada disso. Obrigada.

Lara disse...

Nossa Doutor!!! Muito obrigada!!! Seu artigo me deixou muito mais tranquila. Ontem fui à um infectologista levando meus exames que tinha feito quando estava internada com suspeita de dengue. Após 2 meses fiz exames novos e deu positivo pra toxoplasmose. Entao provavelmente tive toxoplasmose ao inves de dengue. Mas o que me deixou preocupada mesmo foi o FAN ter dado reagente. O médico me disse que podia ser lupus, e meu dia acabou. Fiquei desesperada. Mas agora, lendo seu artigo, fico mais tranquila. Por eu ter feito o exame em um época que estava apresentando sintomas de outra doença, é comum o FAN ter ficado alterado???

Dr. Luiz Claudio da Silva disse...

Lara:

Doenças infecciosas são indutores conhecidos da formação de autoanticorpos, entre os quais os anticorpos antinucleares que dão FAN positivo. Já foram descritos anticorpos antinucleares induzidos por infecções causadas por vírus, bactérias, protozoários (toxoplasmose, por exemplo) e parasitas maiores e isso tem sido fonte de confusão frequente na interpretação do resultado do exame.
O mais importante a lembrar nesse caso é que, se a infecção foi curada e a pessoa está sem sintomas, o FAN positivo provavelmente foi induzido pela infecção e irá desaparecer em alguns meses.

Carlos disse...

ESTOU PREOCUPADO!MINHA NOIVA ESTA COM SUSPEITA DE LUPUS DEVIDO ALGUNS SINTOMAS...CONTUDO, FOI FEITO O TESTE DO FAN E DEU NEGATIVO!POREN, O INFECTOLOGISTA PEDIU PARA REFAZER O TESTE DO FEN.
LOGO, O TESTE DO FAN DANDO NEGATIVO, É POSSIVEL TER LUPUS?!

Dr. Luiz Claudio da Silva disse...

Carlos:
Sim, é possível.
Sua dúvida será esclarecida no artigo NÃO É LUPUS ou PARA QUE SERVE O EXAME FAN - PARTE 2, que deve ser publicado ainda hoje.

Mari Rachid disse...

Boa noite DR, boa noite pessoal!
Tenho FAN+, LES e AR diagnosticados a + de 8 anos, quando recebi o veredito LES minha reumatologista me disse... " Não se preocupe LUPUS é q nem diabete se você controlar ter uma vida mto tranquila" e eu não me apavorei, tbém não sabia o q era LES, tem crises tanto de LRS qto de AR, mais não é bicho de 7 cabeças não trato com um exelente Reumatologista e um ortopedista especialisado em mão e AR. e estou vivendo super bem, tive até uma filha depois do diagnóstico e do tratamento.è só não apavorar q vai dar tdo certo.
Abraços fraternos a tds Mary

Susette e Mario disse...

Bom dia Dr. estou confusa e não sei mais ok fazer tendo engrvidar a mais de 10 anos e nada tenho alguns problema e meu marido também então parimos para Fertilização, a primeira inseminção que fiz deu positivo vendo o aborto com seis semanas ai tentei 3 Fertilização sempre com otima qualidades fui engavidar só na 3 tentativa vindo com aborto com seis semanas de novo, ai não aguentando todos esses abortos vim envesigar fazendo todos os exames e um deles o tal do FAN que deu reagente 1/1280 nossa minha medica disse que eutinha lupus e fiz um outro exames do lupus que graças a DEUS deu negativo, mais minha preocupação é o seguinte esse resultado é o mtivo dos meus abortos pois minha irmã também perdeu 3 bebes e não quero mais passar por isso ok devo fazer?
desde já eu agradeço.

Dr. Luiz Claudio da Silva disse...

Susette:

FAN positivo indica a presença de anticorpos antinucleares, mas não causa aborto e não é diagnóstico de lupus.
Os anticorpos relacionados com abortos de repetição são os anticorpos antifosfolípides, principalmente a anticardiolipina.
Síndrome antifosfolípide é o nome da doença caracterizada pela ocorrência de abortos de repetição em mulheres que apresentam anticorpos antifosfolípides. A síndrome antifosfolípide pode ser uma doença isolada e pode ser parte das manifestações do lupus sistêmico.
Há outras manifestações, além dos abortos de repetição, que ajudam a diagnosticar a síndrome antifosfolípide e são necessários outros sintomas para diagnosticar lupus sistêmico.
Se você quiser saber se tem síndrome antifosfolípide ou lupus, consulte um reumatologista.

Eneida Lopes disse...

Bom dia Dr., gostei muito da matéria e achei muito esclarecedora.
Mas, mesmo assim, estou preocupada, pois desde o início deste ano tenho dores nas articulações que não passam com remédios para dor e nem com fisioterapia. Academia parei de fazer porque as dores pioram.
Fui em clínico e pediu para eu passar em um reumatologista. Este solicitou diversos exames. O meu FAN deu reagente para o nucleolo, e em uma endoscopia deu gastrite e esofagite. O médico concluiu que tenho esclerodermia. É possível que seja isso mesmo? ou pode ser algum problema mais simples?

att.
Eneida

Dr. Luiz Claudio da Silva disse...

Eneida:

Não posso responder suas dúvidas publicamente, pelos motivos apresentados nas ORIENTAÇÕES PARA POSTAR COMENTÁRIOS NO BLOG.
Se quiser saber a minha opinião, envie-me as dúvidas por e-mail para lclaudiosilva@gmail.com

Vanderleia disse...

Tenho um Fan positivo,confirmado pela minha medica como LUPUS,cheguei tomar reuquinol por dez dias,mas eu não concordava com o diagnastico,na realidade eu não queria ter LUPUS,amo o sol e foi a primeira coisa que ela me proibiu,fiquei desesperada sofri junto com toda minha familia,procurei outros medicos,fiz novos exames,e chegamos a uma conclusão,não tenho LUPUS,e sim um fan positivo somente isso,não aceitem o primeiro diagnostico,va em busca de outras respostas e sejam felizes

lenita disse...

Doutor...que exelente que foi esse seu texto...Já tive infecção de urina...ja tive os glóbulos brancos do sangue diminuidos...tudo em diferentes etapas da vida...Meu FAN da positivo desde 2007...as vezes da negativo, é pontilhado fino denso...depende do meu estado emocional..quase morri uma vez que um dermatologista afirmou que eu tinha lupus por causa do FAN...mas o curioso é que não tenho nenhum sintoma da doença...só o meu fan que oscila...sera que corro o risco de ter alguma doença auto imune ou é apenas o fan positivo mesmo...que tb em 2008 ja chegou a dar negativo??

Dr. Luiz Claudio da Silva disse...

Lenita:

Infelizmente o risco de uma doença autoimune é maior para quem tem FAN positivo. Mas há pessoas com FAN positivo que nunca desenvolvem doença autoimune e também há casos em que o exame se torna negativo.
Em situações como a sua, não recomendo a repetição do exame: não acrescenta nenhuma nova informação clínica e apenas cria preocupação excessiva a respeito do resultado.
Para pessoas com FAN positivo recomendo uma avaliação anual com um reumatologista para exame físico e exames laboratoriais de rotina (sem o FAN) - ou a qualquer momento, sempre que surgir algum sintoma.
A finalidade dessas avaliações é fazer o diagnóstico precoce de alguma doença autoimune que possa surgir na evolução.

Jean disse...

neu exame hep2 deu reagente no núcleo e nucleolo, e o título deu 1:640 o que significa? tenho lesões no corpo há muito anos e meu alergista pediu esse exame. gostaria de um esclarecimento. obrigada ildelane.

Dr. Luiz Claudio da Silva disse...

Jean:

O significado do exame depende das lesões que você tem no corpo. Sem examinar as lesões, não há como avaliar o significado do exame.
Consulte um reumatologista para essa avaliação.

Léia Coser disse...

Boa noite! Dr.
O ano passado me deu uma grosseira leve nos braços que coçava bastante, fui em três dermatologistas que me disseram ser alergia,logo depois fui ao ginecologista para exames de rotina quando o médico me pediu o exame fan, eu nem fazia idéia para que servia,o exame deu positivo ele me encaminhou para um reumatologista que me disse logo de cara que era lupus começei a tomar corticóide e hidroxicloroquina logo nos primeiros 15 dias sumiram as alergias,fiz varios exames a pedido do médico mas graças a DEUS todos normais,no momento o dificil ta sendo a depressão por não aceitar que tenho essa doença,POR FAVOR ,gostaria de saber se tem a possibilidade de não ter nenhuma doença,porquê até agora nunca tinha ouvido uma palavra positiva sobre o assunto,Tudo que li até agora aqui, me deu animo parece que até me sinto melhor em relação ao psicológico que tava muito mal.
Obrigado DOUTOR,

Dr. Luiz Claudio da Silva disse...

Léia:

De acordo com as ORIENTAÇÕES PARA POSTAR COMENTÁRIOS NO BLOG, só posso responder suas dúvidas por e-mail. Envie um para lclaudiosilva@gmail.com que darei minha opinião.

juliana disse...

oi dr , estou em duvida venho tendo alguns sintomas como feridas no couro cabeludo , muita moleza, queda de cabelo , tenho hipo , fiz o fan deu nucleo reagente titulo 1/160 , minha derm pediu para repetir o ex pois suspeitou lupus, dessa vez deu negativo , o que devo fazer , qual exame é o certo ? devo ir ao reumatologista? obrigada!!!!!!!!!

Dr. Luiz Claudio da Silva disse...

Juliana:

Se por "hipo" você quer dizer hipotiroidismo, essa doença é uma causa frequente de FAN positivo, também causa moleza e queda de cabelo, e não é lupus.
Se você quer saber se tem lupus ou não, consulte um reumatologista.

Lucas disse...

DR.FIZ O FAN DEU REAGENTE P/NUCLEO E PLACA METAFASICA CROMOSSOMICA E TITULO 1:320 mas os sintomas que tenho é queda de cabelos leve e dor de cabeça. Quais as possibilidade de ser lupus .tenho consulta com reumatologista dia 16/11/2010. Mas estou tranquila.

Dr. Luiz Claudio da Silva disse...

Lucas:
Queda de cabelo e dor de cabeça são sintomas que podem estar presentes em pessoas que tem lupus sistêmico. Ou seja, a pessoa tem as manifestações clínicas que caracterizam o lupus sistêmico e, nesse caso, a queda de cabelo e a dor de cabeça podem ser atribuídas à doença. O que não deve ser feito é afirmar que, em pessoas que não apresentam manifestações clínicas de lupus sistêmico, a queda de cabelos e a dor de cabeça são sugestivos da doença. Não são. Nem mesmo quando são acompanhados de FAN positivo.
As manifestações clínicas que permitem diagnosticar lupus sistêmico são muitas, mas não incluem queda de cabelo e dor de cabeça.

Rosele disse...

Dr, tive um Fan 1/1280 pontilhado grosso acompanhado de uma plaquetopenia. O que pode ser? Agradeço a resposta
Rosele

Dr. Luiz Claudio da Silva disse...

Rosele:
Plaquetopenia é um assunto para ser consultado primeiramente com um hematologista.

ana claudia disse...

Dr Luiz
Tenho uma amiga que apresentou problemas de circulação nas pontas do dedos da mão... começou com coçeiras e por fim as pontas dos dedos quente arroxeadas e somente o indicador muito frio, amarelado, sem circulaçao; Nos primeiros examos foi citado a Sindorme de Raymond; Encaminahdo ao um angiologista foi feito dobbor, exame pra diagnosticar de tratava de trombose, apontou como isfizema; nos exames de sangue agora, deu resultado e foi procurar um reumatologista, falam de um tipo de lupus... Ela é fumante, tem 46 anos... o q pode ser realmente.algum tipo de lupus:?

Dr. Luiz Claudio da Silva disse...

Ana Claudia:
Impossível responder com as informações que você deu. Sugiro que aguarde a orientação do reumatologista.

Carla disse...

Dr. Luiz, gostaria de parabenizá-lo pelo blog, muito interessante! Que Deus continue a iluminar seu caminho!
Gostaria de saber ser há possibilidade de no lupus discóide ocorrer Fan reagente: núcleo 1:160,pontilhado?
Há sintomas tb para o lupus discóide, como aftas e dor de cabeça?

Desde já agradeço,

Carla.

Dr. Luiz Claudio da Silva disse...

Carla:
Cerca de 5% das pessoas com lupus discóide apresentam FAN positivo e o padrão pode ser pontilhado.
Dor de cabeça e aftas são sintomas tão comuns na população que podem ser observados em pessoas com lupus discóide, sem ter relação direta com o lupus discóide. São sintomas inespecíficos, que não devem ser usados para diagnosticar lupus sistêmico em pessoas com diagnóstico de lupus discóide.
Lupus discóide geralmente é somente uma doença de pele, mas algumas pessoas podem evoluir do lupus discóide para a doença sistêmica, mas nesse caso, outras lesões de pele e o acometimento de outros órgãos são mais importantes para o diagnóstico da doenća sistêmica do que a presença de sintomas inespecíficos como dor de cabeça, aftas ou dor no corpo.

ME disse...

Olá Dr. Já tinha feito vários exames antes, inclusive o FAN (na época negativo) pois tenho alteração de plaquetas e o hemato quis investigar de onde vinha. Depois consegui engravidar, mas tive dois abortos seguidos. Repeti os exames e o FAN deu reagente 1:320, o anticorpo anti-cardiolipina igm: 4,0 U/ml e o anti-cardiolipina igg: 3,2 U/ml. O que devo fazer?

Obrigada
ME

Dr. Luiz Claudio da Silva disse...

ME:

Plaquetas baixas e abortos de repetição podem ser causados pela síndrome antifosfolípide, mesmo com anticardiolipina IgG e IgM normais. Há outros anticorpos que podem ser usados para diagnosticar a síndrome antifosfolípide, assim como o exame anatomo-patológico da placenta do aborto pode ser útil, se tiver sido feito.
Sugiro que procure um reumatologista para complementar a investigação.

sueli disse...

su disse dr eu tenho uma filha que tem lupus a 7 anos eu eu fiz o fan e deu possitivo minha medica pediu por causa da dor de cabveça insuportavel que tenho e do emagrecimento repentino que anos tentando perder peso e não conseguia e de repente muchei sera que tenho lupus afinal e genetico nao?

ME disse...

Olá Dr. Luiz Claudio. Sou a ME, da postagem do dia 05 de julho de 2011. Já havia feito o exame anatomopatológico da placenta no meu segundo aborto, pois tive que fazer uma curetagem e não foram encontradas alterações que permitissem a etimologia do aborto. Devo procurar um reumatologista? Obrigada ME

Dr. Luiz Claudio da Silva disse...

Sueli:

Todos os familiares que vivem no mesmo ambiente de uma pessoa com lupus sistêmico podem apresentar o FAN positivo sem ter a doença.
Portanto, para um familiar, ter o FAN positivo não significa ter lupus sistêmico.
Para saber se tem lupus sistêmico, consulte um reumatologista.

Dr. Luiz Claudio da Silva disse...

ME:

Não há evidências concretas de síndrome antifosfolípide no seu caso, mas há manifestações sugestivas.
Quando o anticorpo anticardiolipina é negativo e a suspeita permanece, há outros anticorpos que podem ser pesquisados para o diagnóstico.
Um reumatologista com interesse na síndrome antifosfolípide pode completar a investigação do seu caso.

dmrochael disse...

Dr. Obrigada por publicar esse artigo. Acabei de ver um exame com fan positivo e quase passo mal de susto, temendo o LES. Depois de ler ser artigo me tranquilizei.
Eu nem esperava o resultado positivo pois já fiz quatro exames, no passado, que deram negativo.
Acontece de uma pessoa com fan, repetidamente negativo alterar para fan positivo?

Danielle

Gigi disse...

Bom dia Dr.
Tenho uma amiga com FAN positivo que está tentando engravidar a mais ou menos 01 ano e 03 meses. O ginecologista dela disse que ela deve iniciar o tratamento com AAS 100mg (ASS infantil) assim que houver a confirmação da gravidez. Gostaria de saber se esta indicação está correta e qual o fundamento científico para o uso deste medicamento neste caso.

Dr. Luiz Claudio da Silva disse...

Danielle:
É possível sim. O aparecimento dos anticorpos antinucleares que fazem o FAN ser positivo (assim como o desaparecimento, que faz o exame ficar negativo) é uma característica temporária do sistema imunológico, que tanto pode aparecer como desaparecer de tempos em tempos. Por isso é possível que, em quem tem FAN negativo, o exame possa tornar-se positivo, da mesma maneira que, em quem tem o exame positivo, ele possa tornar-se negativo. Não há nada de especial nessas mudanças. Elas apenas refletem um estado momentâneo do funcionamento do sistema imunológico e não uma doença, exceto se a presença de sintomas mostrar que uma doença autoimune apareceu.

Dr. Luiz Claudio da Silva disse...

Gigi:
Ter FAN positivo e tentar engravidar não justificam o uso de AAS.
O uso de AAS na gravidez é justificado para a prevenção de abortos causados pela síndrome antifosfolípide, mas é preciso ter o diagnóstico para justificar o uso do medicamento. FAN positivo não é diagnóstico da síndrome antifosfolípide.
Para saber se tem síndrome antifosfolípide, sugiro que sua amiga primeiramente leia "SAF ou SINDROME ANTIFOSFOLIPIDE ou PORQUE CONSULTAR UM REUMATOLOGISTA DEPOIS DE SOFRER UM ABORTO"
e depois consulte um reumatologista.

Eveline. disse...

Dr Luiz, sofri um aborto espontaneo a 2 meses, fiz a curetagem e após este procedimento, eu fiz vários exames entre eles o FAN. e somente ele deu alteração. o resultado foi: Nucléolo:Reagente - titulo: 1/80 - PADRÃO..:Nucleolar. Meu Ginecologista pediu para procurar um reumato para investigar. Será que tenho lúpus? Obrigada! Eveline,

Cristiane disse...

Boa noite

Tenho Fan positivo, estou tentando engravidar a 4 anos.
Já fiz in vitro e mesmo assim não ocorre nidação. minha reumatologista disse que nos outros exames não aparece nada.
o Fan sozinho pode fazer com que eu não consiga engravidar 1/320 pontilhado fino.

Dr. Luiz Claudio da Silva disse...

Eveline:

Não há motivo para pensar em lupus e o FAN positivo nada tem a ver com o aborto que você teve mas, para avaliar se o FAN positivo tem algum significado clínico no seu caso, você precisa consultar um reumatologista.

Dr. Luiz Claudio da Silva disse...

Cristiane:

Não há relação entre FAN positivo e infertilidade (não conseguir engravidar).

daniele disse...

fiz biopsia na pele devida varias lesões deu lupus eritematoso discoide e sofro a mais de 5 anos de sinovite vilonodular do joelho fiz o fan deu não reagente será que a sinovite tem haver com a lupus ou são doenças diferentes que não tem nada a ver uma com a outra ?? me ajude por favor

Dr. Luiz Claudio da Silva disse...

Daniele:
Lupus discóide é uma doença autoimune da pele que pode causar dor em várias articulações.
Sinovite vilonodular é uma neoplasia benigna da membrana sinovial de uma única articulação em que não há fenômenos autoimunes.
São doenças diferentes e não estão relacionadas.

hanna disse...

Boa noite Dr. Sinto muita dor nos ossos desde alguns anos. A última foi intensa e doia desde os dedos até os ossos da coluna, quadril e até os pés, além de dor de cabeça e desânimo. Procurei um clinico e le me pediu o exame FAN e o resultado foi 1/320- pontilhado fino denso. Estou com muito medo de ter Lupus, de morrer e deixar meu filho, tenho 30 anos e quero ter outros... Já estou marcando com um reumatologista, mas estou muito ansiosa... O que o achas? Existe a possibilidade de não ser Lupus?

Dr. Luiz Claudio da Silva disse...

Hanna:
Dor no corpo "por alguns anos" com FAN 1:320 pontilhado fino denso geralmente não é lupus.
Aguarde a consulta com o reumatologista mas, baseado no que você contou, não vejo motivo para ter medo de morrer.

Sinara disse...

Parabéns pelo blog Dr.! Além de valiosas informaçōes traz um novo olhar para acalmar os leitores, fundamental para lidarmos com estas doenças com coragem e esperança, sem o espírito derrotista q o problema evoca. Obrigada!!!
Sinara

Claudia Hakim disse...

Dr. Luiz,

Tenho um filho que teve um único episódio de hamatúria, há 3 anos, quando ele estava tomando corticóide e antibiótico para tratar de uma otite recorrente. Na época fui encaminhada para uma nefrologista, que me pediu uma série de exames, sendo que, há 03 anos ele apresenta Fan positivo, em título de 1/160 e a Cardiolipina IGM dele deu fracamente reagente.

Ele se curou da otite (de repetição, teve que operar, depois de vários episódios) e a médica nefrologista, todo ano me pede exame de FAN, entre outros. Meu filho, depois que foi operado para colocar tubos no ouvido e tirar a adenóide, NUNCA MAIS TEVE SINAL CLÍNICO NENHUM ! Em 8 anos, teve somente uma febre e um episódio de hamatúria, em 2.009, quando descobrimos que ele tem FAN positivo. De lá prá cá, ele sempre que faz os exames de sangue, apresenta FAN positivo, porém, sem sinal clínico nenhum. Qual recomendação médica devo seguir ?

MI.MI disse...

REUMATISMO NO BRASIL - UM PROBLEMA DE COMUNICAÇÃO: "NÃO É LUPUS" ou PARA QUE SERVE O EXAME FAN
Olá Drº boa tarde, fiz o exame de FAN e deu negativo, porem cinto muita dor nas articulações dos braços e pernas já fazem +/- 2 anos, quando fico ao sol cinto ardor e cosseira no rosto e e braços, tenho dores de cabeça e náuseas e sonolência. Eu já fiz exames de eletroneuromiografia que o ortopedista pediu dos membros superiores e inferiores e também não deu nada. Fiz também exames de cálcio, acido úrico, vhs entre outros e todos estavam bons. O que devo fazer, passar em um novo reumato? Ou realmente não é nada. Obrigada desde já.

Dr. Luiz Claudio da Silva disse...

Claudia:
Você deve seguir a orientação da médica com quem está se tratando, a não ser que decida procurar outro especialista, considerando que não há necessidade de repetir o FAN todo ano.
Apesar de não haver necessidade de repetir o FAN, muitos especialistas preferem repetir o exame periodicamente e nada há de errado nisso.
Pessoalmente, não repito o exame porque não vejo utilidade em repeti-lo em quem não tem sintomas e, em geral, os reumatologistas não ficam repetindo o FAN (embora alguns possam fazer isso) mas outros especialistas repetem com mais frequência.
Não há uma verdade absoluta sobre isso e, portanto, você deve decidir primeiramente com quem fará o seu tratamento e depois seguir a orientação do médico que escolher.

Dr. Luiz Claudio da Silva disse...

Mi.Mi:
Dor nas articulaçōes dos braços e pernas deve sempre ser avaliada por um reumatologista. Exames normais não excluem as causas possíveis de dor nas articulaçōes assim como exames alterados nem sempre as identificam (leia DOR NÃO APARECE EM EXAMES).
A identificação da causa das dores baseia-se mais na história do doente e no exame físico do que nos exames de laboratório, que apenas complementam o raciocínio feito a partir dos dados da história e do exame físico (leia O EXAME MAIS IMPORTANTE EM REUMATOLOGIA).
Consulte sempre um reumatologista, se sente dores nas articulaçōes, nos ossos, nos músculos ou na coluna.

Viviane Carolina disse...

Parabéns pelo Blog, doutor.
Estou há 1 ano fazendo exames em diversas especialidades médicas. Comecei com ortopedistas de mãos, pois as dores e inchaços eram localizados nessas áreas e nos punhos. Atualmente estou com um neurocirurgião, pois o primeiro resultado das ressonâncias (tenossinovite) foi descartado por ele, por atualmente além das mãos e unhos eu ter tb dores nos dois joelhos e pés.
Fizemos o exame FAN esta semana e meu resultado foi todo negativo, exceto para nucléolos = reagente. Creio que seja a hora de procurar um reumatologista, pois minhas duas mãos estão completamente inchadas e perdi quase toda a minha força. Este resultado de nucléolos reagentes (mesmo núcleo e o restante sendo negativo) me deixou um pouco assustada.

myla disse...

olá! meu nome é camila.meu fan hep-2 nuclear deu reagente pontilhado grosso,mas o anti DNA seu negativo,anti sm deu reagente, anti ssa deu negativo, anti ssb negativo, anti rnp reagente. posso esta com lupus?

Dr. Luiz Claudio da Silva disse...

Viviane:
Se você ler PARA NÃO CONSULTAR UM REUMATOLOGISTA verá que a hora de consultar um reumatologista já passou há muito tempo. Para mim, você está perdendo tempo há um ano, fazendo exames desnecessários.
Sugiro que faça o que deveria ter sido feito desde o início e consulte um reumatologista.

Dr. Luiz Claudio da Silva disse...

Myla:
Não são os exames que dizem que alguém tem lupus; são os sintomas.
Sem sintomas não é lupus, mesmo que os exames sejam positivos.
Com sintomas e exames positivos, pode ser lupus, mas depende de quais são os sintomas.
Se a dúvida é o diagnóstico de lupus sistêmico, consulte sempre um reumatologista.

thamiryss disse...

Olá Dr;Luis
Eu estava com machas no corpo tipo uma alergia.Passei por vários médicos fui encaminhada para uma dermatologista e então ela pediu o enxame de sangue que foi comprovado o FAN positivo.Ela não passou nenhum medicamento e agora o que devo fazer?
Existe medicamento pra FAN?

Gérley disse...

tenho quase todos os sintomas do lupus, fiz o fan, o retorno ainda está longe,o resultado foi o seguinte:
nucleo: não reagente
nucleolo; não reagente
citoplasma: não reagente
aparelho mitotico: não reagente
placa metafasica cromossomica: não reagente. material.soro
Metodo: Imunofluorescencia indireta.

Isso significa que não tenho nada mesmo com os sintomas??

Dr. Luiz Claudio da Silva disse...

Thamyriss:
FAN positivo não é doença e não precisa ser "tratado".
Muitos profissionais têm o hábito de solicitar o FAN para diversas situações clínicas e os dermatologistas geralmente fazem isso para doenças que causam manchas na pele. Algumas vezes as manchas na pele passam, mas o FAN positivo fica, criando confusão.
Muitas pessoas com FAN positivo precisam passar por um reumatologista para serem esclarecidas sobre o significado do resultado positivo.
A rigor, essas pessoas estariam melhores se não tivessem feito o exame mas, depois que descobrem que o resultado é positivo, precisam entender o que está acontecendo. A maioria delas, na verdade, não estão doentes, apenas estão procurando uma explicação para um exame que não deveria ter sido feito.
Por outro lado, em alguns casos, o FAN positivo serve para diagnosticar alguma doença autoimune. Se esse for o caso, a doença identificada é que deve ser tratada, não o FAN positivo.
Sugiro que pergunte a quem solicitou o exame qual foi a finalidade e o que significa o resultado positivo. Se continuar em dúvida sobre o resultado, consulte um reumatologista.

Dr. Luiz Claudio da Silva disse...

Gérley:
Significa que a causa dos seus sintomas não é lupus sistêmico; não significa que você "não tem nada mesmo com os sintomas".
Cuidado com a afirmação "tenho quase todos os sintomas do lupus"... Nesse país, a maioria das doenças que causam os "sintomas do lupus"... não são lupus.
Todos os "sintomas do lupus" podem ser produzidos por outras doenças e alguns sintomas são observados mesmo em quem não está doente.

Silzinha e suas coisinhas disse...

Boa Noite Dr. Luiz
Parabéns pelo blog.
Após dois abortos, minha GO me solicitou o exame FAN, e o resultado deu núcleo reagente e placa metafásica cromossônica tambem reagente e padrão nuclear pontilhado fino denso 1/1280. Não apresento nenhum dos sintomas de lupus porém tenho vitiligo que é uma doença autoimune, esse resultado pode significar que tenho lupus?

Dr. Luiz Claudio da Silva disse...

Silzinha:
Se você não tem sintomas, o resultado não significa lupus sistêmico.
10 a 20% das pessoas com vitiligo apresentam outras doenças autoimunes, que serão reconhecidas pelos sintomas ou por outras alterações em exames de laboratório.
Devido ao alto título, 1:1280, é preciso procurar uma causa. Sugiro que consulte um reumatologista.

Delicias Caseiras da Angélica disse...

olá Dr.
Fiz meus exames os resultados alterados foram:
núcleo reagente e placa metafásica cromossômica reagente.
Nuclear pontilhado fino 1/320
Nuclear centromérico 1/160
Antitireoglobulina- anticorpos: 444,6 ul/ml
Com esses resultados posso ter problemas para engravidar?
Posso realizar qualquer procedimento cirúrgico ou corro riscos?
Daniele

Dr. Luiz Claudio da Silva disse...

Daniele:
Nenhum desses exames avalia problemas para engravidar ou risco para a realização de procedimentos cirúrgicos.
Para avaliar problemas para engravidar, consulte um ginecologista.
Para avaliar risco cirúrgico, consulte um cardiologista.

copaink disse...

Olá Dr Luiz,
Tudo bem com o senhor?
Dr, meu nome é Marcelo tenho 44 anos e a 3 anos e meio estou totalmente confuso.
Tipo, na minha cabeça eu tenho Lupus ou AR ou algo reumático.
Bom, algo reumático devo ter pois tenho varios sintomas clinicos como...LIVEDO RETICULAR, URTICARIAS quase todos os dias e DORES EM VARIAS JUNTAS.
Ae o senhor me mergunta... e seus exames? né? ok, eu já fuz e refiz vaios tipo mais de 100 tipos de exames diderentes tanto aoto imunes como para outras doenças como HIV,VDRL,Hepatite A,B,C etc..
Neda da posivito.
Fiz e refiz tambem, FAN, Fator Reumatoide, Anti-SM, Anti-LE,Anti-RO etc...
na verdade o unico exame que deu (indeterminado) que só seria positivo acima de 40 é o ANTI-CARDIOLIPINA, mais deu 30 indeterminado. Esse exame eu fiz a ultima vez a 11 meses, vou refazer agora.
Mais essa semana ficou pronto os Hemograma completo, NORMAL, Fator Reumatoide, NORMAL e FAN tambem NORMAL.
Já fui em mais de 20 médicos (fui mesmo, não é maneira de falar não rsrs), e ninguem chega em nenhuma conclusão!
O senhor poderia me ajudar me dando alguma ideia que que possa ser, ou o que mais eu poderia procurar de exames etc?
Me da uma luz por favor pois vou acabar ficando maluco com isso tudo!
Conto com o senhor Doutor.
Fico enciosamente no aguardo!
Um forte abraço para o senhor...
Marcelo

Dr. Luiz Claudio da Silva disse...

Marcelo:
"Algo reumático"você não tem (leia "REUMATISMO" OU DOENÇA "REUMÁTICA"?).
"Algo reumático" significa a mesma coisa que "reumatismo" e "reumatismo" não é uma doença, é apenas um mito popular.
Você poderia dizer, com mais propriedade, que tem "alguma doença", deixando bem claro que não sabe o que tem, em vez de dizer que "tem algo reumático", sugerindo que conhece vagamente o que tem. "Algo reumático" é uma maneira de se enganar - ou de ser enganado - sobre algo que não se conhece.
Pelo que entendi, seu principal sintoma são as dores nas juntas. Bem, para isso eu não perguntaria "e os seus exames?" - porque para diagnosticar a causa de dores nas juntas o mais importante é o exame físico, não os exames de laboratório (leia O EXAME MAIS IMPORTANTE EM REUMATOLOGIA).
Sugiro que consulte um reumatologista.

Tania disse...

Dr., minha filha de 8 anos foi diagnosticada como FAN + 1/160. Fiquei em panico. O pediatra tem me acalmado, mas estou preocupada. O exame foi refeito neste mes e apresentou o mesmo resultado. Ela não tem nenhum sintoma, é uma criança alegre e super saudavel. O resultado do Alfa 1 - glicoproteina acida deu 151. Devo procurar um reumatologista?

Dr. Luiz Claudio da Silva disse...

Tania:
FAN positivo 1:160 não é um "diagnóstico" e, em crianças sem sintomas, não é motivo para pânico.
Embora não recomende a repetição do exame - não há utilidade nisso e a repetição causa mais ansiedade do que tranquiliza - você pode seguir a orientação do pediatra que tenta acalmá-la.
Se a ansiedade persistir, o reumatologista pode ajudar.

Lorena disse...

Bom dia Dr. Luiz! Adorei seu blog...
Estou muito ansiosa pois o resultado do meu FAN deu positivo... Fiz o exame por ter queda de cabelo a mais de 10 anos. Atualmente tenho 23 anos e apresento dor de cabeça pelo menos 3 vezes ao mês, sãos os únicos sintomas que tenho. O que o sr acha? Vou ao reumatologista no próximo mês estou muito ansiosa até chegar o dia da consulta.

Dr. Luiz Claudio da Silva disse...

Lorena:
Enquanto aguarda a consulta com o reumatologista, consulte um neurologista por causa das dores de cabeça.

Maria Monteiro disse...

Olá! Eu tive um FAN positivo 1/160 nucleolo, mas sem nenhum sintoma especifico de esclerodermia, apenas cansaço físico, constipação ou diarréia e queda de cabelo. Engravidei e por conta desse FAN, tomei corticoide em baixa dosagem durante a gestação. Um ano e meio depois, repeti o exame e não tenho mais o FAN positivo. Como o meu filho (que ainda amamento) tem alergia alimentar, estou numa baixa dieta e não como leite e derivados, ovo e soja. O meu intestino numa funcionou também e nunca mais tive colite ou crises de prisão de ventre. Pode ser que eu tenha alergia também e que a ingestão desses alimentos causasse o meu FAN positivo?
Obrigada!

Dr. Luiz Claudio da Silva disse...

Maria:
Alergia pode causar FAN positivo mas o FAN positivo não deve ser atribuído à alergia antes de uma avaliação clínica para excluir doenças autoimunes.
Para o diagnóstico de alergia, consulte um alergista.
Para uma avaliação sobre doenças autoimunes, consulte um reumatologista.

Antônia Leite disse...

Bom, dia, Dr. Luiz. Parabéns pelo blog, é muito esclarecedor e tranqüilizador.
Tenho 33 anos e, desde os doze, tenho tireoidite de hashimoto, sem, no entanto, precisar ainda fazer reposição dos hormônios da tireóide.
Há 8 anos, tive um episódio de trombose venosa. Vários exames foram feitos e não houve suspeita de lúpus, mas sim de carência de proteínas C e/ ou S no sangue.
Por pedido da dermatologista ( queixa de queda de cabelo, que nao é muito acentuada...), fiz o exame do FAN esta semana. Deu positivo, 1/160, padrão nuclear pontilhado fino. Nao tenho sintomas como artrite, lesões na pele ou perda de peso. Já marquei consulta com o reumatologista que a médica indicou.
Pergunto ao senhor, só para me tranqüilizar um pouco até lá, se esse padrão de FAN, pontilhado fino, é compatível com hashimoto?
Desde já agradeço e parabenizo o sr. Pelo serviço de utilidade pública que presta.

Dr. Luiz Claudio da Silva disse...

Antônia:

Sim, o resultado é compatível com o FAN positivo da tiroidite de Hashimoto e, se houver hipotiroidismo, o próprio hipotiroidismo pode causar a queda de cabelo.

Gabriela Scarante disse...

Dr minha dermatologista me pediu o exame e deu fan positivo, so que como estou gravida ela falou que pode ter ocorrido uma alteracao por isso me pediu exame mais detalhado, o que voce acha depois de ler seu texto fiquei mais aliviada, pois nem todo fan positivo pode ser lupus, mais afinal pode dar alteracao em mulheres gestante.Obrigada

Dr. Luiz Claudio da Silva disse...

Gabriela:
Faltou dizer por que a dermatologista pediu o exame...
FAN positivo só tem importância para auxiliar no diagnóstico de doenças autoimunes que produzam sintomas. Na ausência de sintomas, o resultado positivo nada significa,
A gestação normal não causa FAN positivo mas gestantes normais podem apresentar FAN positivo, se já apresentavam os anticorpos antes da gravidez. Quando não há sintomas, é impossível saber quando os anticorpos surgiram pois, quando o exame dá positivo, não há como saber desde quando os anticorpos estavam presentes.
FAN positivo não causa problemas na gravidez.
FAN positivo não é lupus.
Na dúvida sobre o significado do FAN no seu caso, consulte um reumatologista.

Gabriela Scarante disse...

Ola Dr. obrigada pelo esclarecimento, como voce falou que faltou falr porque a medica pediu o exame, foi porque me queixei de queda de cabelo, meu cabelo esta caindo muito ate antes da gravidez...

Dr. Luiz Claudio da Silva disse...

Gabriela:
Leia O DIAGNÓSTICO DE LUPUS SISTÊMICO PARTE 1: QUEDA DE CABELOS NÃO é SINTOMA DE LUPUS SISTÊMICO

Simone Basilio disse...

Doutor, adorei o blog. Obrigada! Me tire uma dúvida, por favor:
fiz um exame de sangue e 5 dias depois caí com dengue. Isso poderia ter alterado meus exames? Pergunto porque deu fan 1/160 e estou investigando lúpus e afins. No primeiro exame, deu não reativo. A dengué poderia ter algo a ver com o reativo? Não seria o caso de refazer os exames? Obrigada!

Dr. Luiz Claudio da Silva disse...

Simone:
Pessoalmente, não recomendo repetir o FAN em nenhuma circunstância.
Se o sangue foi coletado antes do início da dengue, não se deve atribuir o resultado de um exame feito ANTES do início de uma doença à doença que veio DEPOIS do exame ter sido feito.

SIMONE LUZ DA SILVA disse...

Oi Dr! Fiz o fan deu reagente positivo meu Go pediu esse e outros exames porque perdi o meu bb com 16 semanas,como vc disse sem sintomas não há lupus.
Então pq devo procurar um reumatologista? Desde já agradeço.

Dr. Luiz Claudio da Silva disse...

Simone:

Leia o artigo SAF ou SÍNDROME ANTIFOSFOLÍPIDES ou POR QUE CONSULTAR UM REUMATOLOGISTA DEPOIS DE TER UM ABORTO?

Belle Sabores disse...

Olá, meu nome é Cibele, 31a. Há pelo menos 2 anos tenho tido muitas dores das costas, principalmente na região da lombar. A dor é diária, já me acostumei com ela. As vezes piora, nos últimos dias, muita dor nos joelhos e tornozelos, as vezes cotovelos. Já tive diagnóstico de inflamação de nervo ciático e com medicamente melhora, mas logo volta. Há 3 meses fui à ortopedista que fez o exame de raio x e informou que tenho uma leve escoliose, que não seria o causador das dores fortes que acabam irradiando para as pernas e ombros. Ela pediu o exame de perfil reumatológico e dois dos exames FAN deram reagentes 1/320. Ademais, meu índice de vitamina D deu deficiente, há meses sinto muito cansaço e desânimo, sem vontade de nada. Hoje vi uma matéria falando sobre lupus e vi a mancha asa de borboleta. Tenho uma mancha que já foi diagnosticada como rosácea (sem nenhum exame laboratorial, apenas clínico) e é exatamente um rash malar. Olhei algumas fotos, a mancha sempre está presente, as vezes fraca e as vezes muito forte... Considerando esse quadro, levando em conta que tomo anticoncepcional com estrogênio há anos e sempre tenho sangramentos na gengiva, estou equivocada em acreditar que tenho um quadro de lupus? Tenho reumato marcado para daqui 10 dias...

Dr. Luiz Claudio da Silva disse...

Cibele:
Irei responder seu comentário através do artigo PORQUE VOCÊ NÃO DEVE ACREDITAR QUE TEM UM QUADRO DE LUPUS, que você pode ler na página principal do blog.

Brenda Braga disse...

Dr Luiz,


O meu resultado do Fan deu positivo, e o medico afirmou que tenho Lupus e me encaminhou para um reumatologista. Mesmo com a queda de cabelo, cansaço diario e muita dor nas articulações pode não ser Lupus?
Minha mãe já foi diagnosticada com LES e sei que pode ser genetico.

Dr. Luiz Claudio da Silva disse...

Brenda:
Queda de cabelo, cansaço diário e dor nas articulações não são sintomas suficientes para diagnosticar LES, mesmo quando o FAN é positivo.
Parentes de pessoas que têm LES podem ter FAN positivo sem ter a doença, portanto o FAN positivo também não é suficiente para o diagnóstico.
Sugiro que aguarde a avaliação do reumatologista para esclarecer o seu caso.

jose carlos paiva jc disse...

ola Dr.minha filha de 17anos tem toxoplasmose e o exame de fan deu 1/160.é possivel que ela tenha lupus?abgado.

Gena disse...

Olá Dr. Luiz....
Moro no exterior, e devido uma queda excessiva de cabelo, procurei um dermatologista... Ele me receitou remédio e loção para passar no cabelo... Depois de um mês tomando remédio, voltei ao dermatologista e ele viu meu desespero e me pediu exames de sangue... No resultado deu fator anti-nucleico 320
Com o resultado ele me encaminhou pra outro dermatologista em um hospital maior, e hj fui na consulta e ele me falou que tbm estou com as plaquetas baixas... Perguntou sobre todos os sintomas que poderia diagnosticar Lúpus, mas graças a Deus, respondi que não tenho nenhum sintoma que ele me perguntou... Pediu pra mim voltar daqui 20 dias e refazer os exames... E ele ainda concluiu falando que minha queda de cabelo talvez nao tenha haver com o resultado do exame e possivelmente possa ser stress...Não vou negar que estou muito, muito preocupada por não saber o que possa ser...
Por favor, qual sua opinião sobre o meu caso...
Desde já agradeço pela atenção...

Dr. Luiz Claudio da Silva disse...

José Carlos:
Toxoplasmose causa FAN positivo.
Em quem tem toxoplasmose e FAN positivo, a causa do FAN positivo provavelmente é a toxoplasmose.
Para saber se tem lupus ou se pode ter lupus, consulte um reumatologista.

Dr. Luiz Claudio da Silva disse...

Gena:
Leia o artigo O DIAGNÓSTICO DE LUPUS SISTÊMICO - PARTE 1 - QUEDA DE CABELOS NÃO É SINTOMA DE LUPUS SISTÊMICO.