domingo, 15 de abril de 2012

PARA NÃO CONSULTAR UM REUMATOLOGISTA





A leitora Karen postou o seguinte comentário ao artigo PARA QUE SERVE O EXAME FATOR REUMATÓIDE:

Dr. Luiz, estou com muitas dores nos dois tornozelos, nos dois joelhos, no quadril esquerdo e em ambos os cotovelos - mas sem inchaço algum. Isso começou há 4 dias e vem piorando. Para descartar outro diagnóstico, fui primeiro a um ortopedista. Ele falou que é, muito provavelmente, algo reumático e me pediu todos esses exames de caráter reumático (Proteína C Reativa, Fator Reumatóide, Látex, FAN...). E disse que, de porte desses exames, eu retornasse nele para vermos qual seria o tratamento. Achei estranho. Ele não deveria me encaminhar para um reumato ver isso? Por que voltar nele? E o que será que pode ser o meu problema? Abraços!


Karen:
As suas dúvidas deveriam ter começado antes:
Por que consultar um ortopedista por causa de dor nos tornozelos, nos joelhos, no quadril esquerdo e nos cotovelos? Para "descartar outros diagnósticos"?
Lamento, mas a sua explicação não tem fundamento.

O especialista indicado para investigar dores em várias articulações é o reumatologista.
Veja bem, o reumatologista é o especialista indicado para fazer a investigação; não significa que é o único que pode fazê-la. Na verdade, qualquer médico pode investigar e tratar quadros com dores em múltiplas articulações, com 4 dias de duração, mas o reumatologista é o especialista mais indicado para fazer isso.
Por quê?
Porque o reumatologista faz a investigação dessas situações solicitando menos exames do que os outros médicos.
Porque o reumatologista sabe interpretar os exames que solicita, ao contrário de outros profissionais que, ao verem algum exame alterado, precisam encaminhar o doente para o reumatologista interpretar o resultado do exame.

Não sei o que "algo reumático" quer dizer.
Para mim, "algo reumático" significa apenas "algum reumatismo" ou "algum tipo de reumatismo" - algo que realmente não existe mas de que as pessoas costumam falar, mesmo quando não sabem o que é.
"Algo reumático" são apenas palavras e significam somente "algo que não sei o que é"...
Não sei o que são "esses exames de caráter reumático" mas proteína C reativa, fator reumatóide, látex, FAN... não são exames de "caráter reumático". Essa é uma explicação usada pelos profissionais que não sabem para que servem os exames e que os solicitam sempre que alguém se queixa de dor nas articulações.
Na verdade, na maior parte das vezes em que alguém sente dor em várias articulações há 4 dias, não é preciso solicitar esses exames para investigar a causa nem para iniciar o tratamento.

Mas, a partir do momento em que decidiu consultar outro especialista para fazer o que é trabalho de um reumatologista, você abriu uma caixa de surpresas que começou com "muito provavelmente é algo reumático", passou por "todos esses exames de caráter reumático" e provavelmente irá prosseguir com "isso é reumatismo"...

"Reumatismo" não é uma doença, é apenas um mito popular.
"Algo reumático" não existe; é apenas uma maneira de falar sem sentido.
"Exames de caráter reumático" não existem; é apenas uma maneira de falar, usada por quem não sabe explicar os exames nem interpretar os resultados.

Apesar disso, a maioria das pessoas que sente dores nas articulações sempre encontra uma explicação para não consultar um reumatologista, como você, que escolheu "para descartar outros diagnósticos" como justificativa para não fazer o que deveria ser feito.

Acredito que nesse momento você jå entendeu que deveria ter consultado um reumatologista desde o início pois a resposta à sua última pergunta (o que será que pode ser o meu problema?) geralmente só será dada por um reumatologista.

Entretanto, é bom saber que, na maioria das vezes em que alguém sente dores em várias articulações há 4 dias, a própria natureza se encarregará de resolver o problema e, em alguns dias, as dores provavelmente desaparecerão, com ou sem tratamento.
Essa regra geral, de caráter puramente estatístico, não se aplica a todos os casos pois, dependendo do que a pessoa apresenta ao exame físico, o reumatologista poderá levantar a suspeita de uma doença inflamatória, autoimune ou infecciosa e direcionar adequadamente a investigação e o tratamento.
Ou seja, embora a maioria dos casos de dores em várias articulações com 4 dias de duração irá resolver espontaneamente em poucos dias, alguns não irão e, para esses, a melhor maneira de começar a investigar é consultar um reumatologista.
Considerando que atualmente não há uma maneira de saber quais casos pertencem ao primeiro grupo e quais pertencem ao segundo, para não haver perda de tempo com exames desnecessários, é fundamental começar a avaliação com um reumatologista.

Por isso, Karen, nessa e nas próximas vezes em que sentir dor nas articulações, nos ossos, nos músculos ou na coluna, consulte sempre um reumatologista em primeiro lugar.



9 comentários:

ADVOGADONLINE disse...

Professor, depois de dar-lhe os parabéns, e agradecer por tanta informação, gostaria de lhe fazer uma pergunta:

Já li sobre várias doenças reumatológocas aquo, ao longomde alguns anos, aprendi muito aqui, e tenho até difundido esse conhecimento, fazendo sempre questão de lhe dar os créditos.

Comecei a ler essas imformações por conta de alguns sintomas que levaram a um diagnóstico de "provável esclerodermia", e não encontrei nenhum artigo seu, específico, sobre esse mal... Por que?

Dr. Luiz Claudio da Silva disse...

Advogadonline:

Assim como muitos outros tópicos, o que você procura está na fila para publicação.
Há um problema teórico na expressão "provável esclerodermia" e, se desejar mais esclarecimentos, pode me enviar suas dúvidas por e-mail.

Míriam Luiza disse...

Doutor Luiz Cláudio, tive dores no corpo a vida toda. Dei aulas 30 anos, em meio a antiinflamatórios e fisioterapias. Todos os ortopedistas diziam que era por causa do meu trabalho. Ma aposentei, e as dores continuaram, e até aumentaram. Agora, meu médico suspeitou de fibromialgia, e me pediu alguns exames para descartar reumatismos. Mas deu FAN positivo, e ele me encaminhou para o reumatologista, dizendo que é lupus, uma doença grave e etc. Saí do consultório arrasada. Mas lendo seus posts, fiquei esperançosa, pois os sintomas que tenho são dores em várias partes do corpo. não tenho outros sintomas desta doença. Vou ao reumatologista semana que vem, mas me tornei sua seguidora, e vou continuar lendo seu blog para tirar minhas dúvidas. Obrigada por postar textos ótimos e que passam muita credibilidade.

Renise disse...

Desculpe Dr. mas esqueci de me identificar no último comentário em que digo que meus exames são negativos e há 7 anos não tenho diagnóstico. Meu nome é Renise e moro no Rio de Janeiro.

Dr. Luiz Claudio da Silva disse...

Renise:
Não irei publicar o seu comentário anterior pela razões apresentadas nas ORIENTAÇÕES PARA POSTAR COMENTÁRIOS NO BLOG, mas comentarei suas declarações se você enviá-las por e-mail.

maria elizete disse...

bom dia DR.eu tenho artrite reumatoide.durante os 3 anos só teve 3 crises uma em cada ano,eu fiquei com o meu corpo todo enxado,e dolorido,as dores não era nas articulações.e ja fui no médico e náo consegui descobri que tipo de reumatismo eu tenho. se vc poder mi ajudar eu te agradeço . obrigado

Dr. Luiz Claudio da Silva disse...

Maria Elizete:
"Tipo de reumatismo" você não tem porque "reumatismo" não é uma doença, é apenas um mito popular e "tipos de reumatismo" não existem.
Artrite reumatóide é uma doença, mas não é "um tipo de reumatismo" (leia O QUE É ARTRIE REUMATÓIDE ou ARTRITE REUMATÓIDE NÃO É REUMATISMO e ARTRITE REUMATÓIDE NÃO É UM TIPO DE REUMATISMO).
Sugiro que consulte um reumatologista para avaliar o seu caso pois 3 crises em 3 anos, com dores que não são nas articulações, como você escreveu, não são sintomas de artrite reumatóide.

Cássia Vieira disse...

Boa noite Dr.
Tenho 29 anos e desde os meus 16 anos tenho dores nas articulações do corpo...há épocas em que são na virilha...ou joelho e principalmente ombro.
Há dois anos tive uma crise nas duas mãos onde não fechava e as juntas estavam inchadas...depois de 2 semanas as dores passaram...fiz exames esses todos mencionados e deram negativos....depois esse ano tive um grande crise com dores nos ombros que durante os dias foram se espalhando para os cotovelos,mãos, joelhos e tornozelos ao ponto de não conseguir escovar os dentes....fiz novamente exames que deram positivos o fator reumatoide e o clinico encaminhou para um reumatologista....a questão é que mesmo quando não há crises tenho dores no corpo como um geral...pontadas nas articulações e cada semana ou dia acaba doendo uma diferente, são dores mais incomodas do que realmente doloridas....são sintomas de algo mais sério? Artrite reumatoide como suspeita o clinico geral?

Dr. Luiz Claudio da Silva disse...

Cássia:
Dores nas articulações são sinais de alerta que devem ser esclarecidos por um reumatologista - pessoalmente, considero perda de tempo consultar clínicos ou ortopedistas em situações como a sua e ficar fazendo exames de sangue que são solicitados sem lógica e sem conhecimento.
Há situações em que saber que o fator reumatóide é positivo pode ajudar a esclarecer o problema mas há outras em que atrapalha, criando mais confusão. Não é porque alguém sente dor nas articulações que precisa fazer o exame fator reumatóide e não é porque o exame é positivo que o diagnóstico é artrite reumatóide (não seja enganada pela semelhança entre as palavras).
O diagnóstico de artrite reumatóide depende, em primeiro lugar, do exame físico das articulações, não do fator reumatóide positivo.
Por isso, sugiro que siga o caminho correto e consulte um reumatologista.